CONSÓRCIO OU FINANCIAMENTO IMOBILIARIO?

No consórcio de imóveis não há juros, apenas uma taxa de administração que varia de 12 a 20% ao ano, dependendo do bem e da duração do plano.

Não é exigida entrada, nem há necessidade de comprovação de renda. O consorciado também pode usar seu FGTS para dar lances ou complementar o valor das prestações, as quais costumam ser inferiores àquelas dos financiamentos imobiliários.

Do ponto de vista financeiro, é, portanto, uma modalidade bastante atraente de aquisição de imóvel próprio ou para investimento, principalmente para aqueles que são indisciplinados para poupar ou que não necessitam utilizar o bem de imediato.

Porém, como o valor da carta de crédito é corrigida pelo INCC, que, nos últimos 3 anos, tem apresentado variação inferior à valorização dos imóveis, é possível que, no momento da contemplação, o consorciado não consiga adquirir o bem com o qual havia sonhado, gerando uma considerável frustração.

O fator sorte é fundamental nos consórcios: a pessoa pode ser contemplada através dos sorteios mensais, mas, se houver algum contratempo e o consorciado precisar do imóvel, ele precisará dispor de recursos financeiros para oferecer um bom lance e ainda contar que outros não tenham a mesma necessidade naquele momento.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: