CENSO 2010 E OS CONDOMÍNIOS – DICAS DE SEGURANÇA

O Secovi-SP (Sindicato da Habitação), por meio da vice-presidência de Administração Imobiliária e Condomínios, colabora com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) na realização do Censo 2010 em condomínios do Estado de São Paulo.

A fim de garantir a segurança nos condomínios, confira as orientações do Sindicato:

– Antes de liberar a entrada do recenseador, o porteiro deve checar o crachá do profissional com nome, foto e número de matrícula. Além do crachá, o porteiro pode solicitar a apresentação de um documento de identidade com foto (RG ou carteira de habilitação).

– Síndico e funcionários precisam ficar atentos a detalhes como o uniforme do recenseador, colete azul e boné do IBGE; e verificar se está munido com equipamento eletrônico de coleta de dados (PDA).

– Em caso de dúvidas, pode ligar para o 08007218181 ou acessar o site do IBGE (www.censo2010.ibge.gov.br/recenseadores.php) para certificar-se que é aquele recenseador o responsável pela coleta de dados no condomínio.

– É importante observar que, dependendo do porte do condomínio, poderá ser indicado mais de um recenseador, acompanhado – ou não – de um supervisor.

– Uma vez dentro do condomínio, o síndico pode reservar um espaço, como o salão de festas, para que o recenseador realize as entrevistas, que poderão ser feitas inclusive no período noturno, finais de semana e feriados.

– O zelador pode ajudar o recenseador, informando quem está disponível para entrevistas e indicar ao morador o local da entrevista.

– Se o morador não estiver disponível no dia da visita do recenseador, o zelador pode ajudar a providenciar uma agenda com os horários em que os moradores estarão em casa.

– Existe a possibilidade de o morador responder o censo pela internet. Mas isso só é possível após a visita do recenseador, que fornecerá um envelope lacrado contendo códigos (e-tickets) que dão acesso ao questionário, em site seguro e criptografado.

– Há prazo para o morador encaminhar as respostas pela internet. Caso ele não o faça, o IBGE entrará em contato para solicitar as informações.

– As pessoas que não responderem ao censo poderão ser multadas em até dez salários mínimos (R$ 5.100).

– Atenção: O IBGE não envia e-mail solicitando preenchimento de questionários. Portanto, as pessoas não devem abrir nenhuma mensagem eletrônica supostamente enviada pelo Instituto.

Fonte : SECOVI SP

www.secovi-sp.com.br

Claúdia Brandão

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: